MATÉRIAS PUBLICADAS

 

Prefeitura de Votorantim anuncia mais verbas e leitos para a saúde no enfrentamento ao coronavírus

Prefeitura de Votorantim anuncia mais verbas e leitos  para a saúde no enfrentamento ao coronavírus

O prefeito Fernando de Oliveira Souza assinou nesta quinta-feira, (02), decretos de remanejamento de verbas de diversas secretarias municipais para atender exclusivamente à área da saúde no enfrentamento da pandemia de coronavírus, totalizando R$ 1.620.000,00. Além disso, após gestões estratégicas junto ao hospital municipal, o governo anuncia medidas de ampliação nos leitos de internações, bem como de UTI e a previsão da montagem de novos leitos na UPA Central cujas obras de reforma já estão na fase de pintura e implantação de nova rede de oxigênio. O município encontra-se em estado de calamidade pública decretado no dia 22 de março.

A abertura de crédito adicional complementar para a Secretaria da Saúde, consta dos decretos nº 5.913 e 5.914, que serão publicados na edição desta sexta-feira (03) do Jornal do Município. Com isso, serão remanejados R$ 700 mil da Sourb (Secretaria de Obras e Urbanismo), R$ 120 mil da SPD (Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento), R$ 200 mil da Sema (Secretaria de Meio Ambiente), R$ 200 mil da Sectur (Secretaria de Cultura, Turismo e Lazer) e mais R$ 400 mil do Fundo Municipal de Cultura, este último constante do projeto enviado ao Legislativo mas que acabou não sendo votado na última terça-feira (31) por falta de quórum.

“Desde o início da pandemia estamos tomando todas as medidas necessárias para minimizar da melhor maneira possível este problema para o município”, destaca o prefeito Fernando. Na avaliação do prefeito, o momento é de unir esforços em todos os sentidos. “Dia após dia, surgem novos desafios e é com muito esforço e dedicação que continuarmos agindo desta maneira com a equipe do governo e o Comitê Municipal de enfrentamento à Pandemia, nossa prioridade sempre foi e será a saúde”, acrescenta.

Em se tratando dos leitos hospitalares, Fernando explica que após reuniões em conjunto com o instituto Moriah, que administra o hospital municipal, uma reestruturação no setor de internações possibilitou aumentar de 19 para 52 os leitos disponíveis para a demanda por coronavírus e internações clínicas. Neste número não estão incluídos outros atendimentos como por exemplo 16 leitos de maternidade. O município conseguiu ainda aumentar de 5 para 10 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), dos quais cinco exclusivamente para Votorantim e cinco em sistema de regulação estadual (vagas Cross).

Caso necessário, o governo municipal também estuda a implantação imediata de mais 20 leitos exclusivos para coronavírus, na chamada “zona cinzenta” de gravidade. Esses leitos, de acordo com o Comitê, já estão planejados para serem instalados junto  ao PA Central, e funcionarão, assim como os hospitais de campanha, no atendimento de pacientes de Covid-19 com quadros de menor complexidade, ou seja, indivíduos que devem permanecer internados, mas que dispensam a necessidade de cuidados em UTIs.

 

Fonte: Assessoria de comunicação




< Voltar

Copyright 2022 - Rádio Votorantim    •    Grupo Alphanet Hosting